SIGA

CASA DE UCO...COMER, BEBER E AMAR AOS PÉS DOS ANDES.

Aproveitando o feriado, emendei a semana e cheguei há algumas horas de uma viagem deliciosamente relaxante. Agora, com a mente descansada, volto a escrever com muito carinho a respeito de mais um hotel aprovadíssimo (onde adorei a estadia), afinal a paixão por hotelaria continua firme e forte (mesmo durante os 3 meses em que estive ausente do blog, sem tempo de escrever e me dedicando a série de vídeos “DETAILS, Por Luciana Baggio”), e como hoje é domingo, vou tratar de aproveitar o restinho de tempo livre que me resta antes de começar a semana, dividindo com vocês um pouco do VALLE DE UCO, na região de Mendoza - Argentina.

Eu só escrevo sobre hotéis que me agradam bastante, onde me sinto bem recebida e acolhida, e onde o serviço, os aromas (sim, me importo muito com isso) e os detalhes me encantam, porém sem seguir nenhuma ordem, ou seja, pode ser tanto um hotel onde estive há alguns anos, quanto locais especiais onde estive há pouquíssimo tempo, não importa a ordem cronológica, na verdade o gostoso é relembrar cada um destes endereços, pois enquanto divido estas experiências com vocês, revivo cada momento bacana, e viajar é isso...ninguém rouba esta sensação da gente, são lembranças lindas que ficam guardadas no coração.

Mas como eu ia dizendo, foram dias de paz e descanso, e o melhor, num destino de fácil acesso, onde o prazer de comer e beber (muito bem, diga-se de passagem) se funde à beleza da paisagem dos vinhedos aos pés dos Andes.

Bem vindos à CASA DE UCO, um hotel do jeitinho que eu adoro, pequeno (com 16 acomodações), com “cara” de casa de amigos, onde você faz o que tem vontade na hora que tem vontade, longe dos grandes centros, com vista para a cordilheira e regado a vinhos de excelente qualidade.

O hotel está localizado no Valle de Uco, uma região com centenas de vinícolas, algumas menores, outras importantíssimas, e ainda algumas consideradas “vinícolas boutique”, como a própria vinícola do hotel (que na verdade produz vinhos a partir de diversos vinhedos localizados dentro da propriedade, onde se forma uma espécie de condomínio de “terroirs” extremamente organizado (e com muita pesquisa de solo), ou seja, se você quiser, também pode comprar um “terroir” pra chamar de seu...

Adorei o hotel por vários motivos, logicamente em primeiríssimo lugar meu coração bateu mais forte pelo projeto, contemporâneo na medida, todo de concreto com detalhes em pedra e madeira, tudo emoldurado com muito vidro, amei! Aliás, pra quem não sabe, este é o estilo que eu gosto para o “meu” morar bem, pois a união destes elementos normalmente forma um resultado bacana e aconchegante, um mix de estilos que amo...contemporaneidade com um toque rústico chic.

Adorei a massagem no SPA do hotel, e também amei o aroma exclusivo que pairava nas áreas comuns e nas suítes, o silencio na medida, sem deixar de citar a trilha sonora repleta de bossa nova...uma delícia e sem frescuras.

E falando no SPA, além das salas de massagem e sauna, não espere uma academia gigante, pois o foco é fazer com que os hóspedes circulem mais externamente (afinal chove muito pouco na região), cavalos e bicicletas também estão sempre a disposição.

No programa que escolhi, não me preocupei com nada, ou seja, estava tudo incluso, do frigobar da minha suíte às visitas a várias bodegas, inclusive duas delas com almoço.

A ideia é justamente relaxar, então...como dizem os argentinos: DISFRUTEN!!!

O hotel foi mais uma indicação da Gisele Omairy Granato, que cuidou de tudo justamente para que não nos incomodássemos com nada.

Se quiserem mais informações para um próximo feriado, entrem em contato com ela ;-)

gisele@alliancetur.com.br ou pelo insta dela: @giseleomairygranato.

  • Facebook Clean Grey
  • Twitter Clean Grey
  • Instagram Clean Grey

POSTS RECENTES: 

PROCURE POR TAGS: